Recent

Postagens mais visitadas

Navigation

Sisu disponibiliza 11.710 mil vagas para estudantes em universidades públicas do RN

No VNT da ASSECOM/RN - 24 JAN 2018
Resultado de imagem para Sisu 2018 abre inscrições

Começou nesta terça-feira, (23), e vai até a próxima sexta-feira, o prazo para os estudantes que realizaram as provas do último Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) se inscreverem no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2018.

A inscrições poderão ser feitas até as 23h59 desta sexta (26), no horário de Brasília. Elas serão feitas no site do programa: http://sisu.mec.gov.br/. Não é necessário pagar taxas. Para acessar o edital completo, clique aqui.

Das 239 mil vagas disponíveis do sistema, 11.710 vagas estão distribuídas no estado nas Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (2.404 vagas em 67 cursos), Universidade Federal do Rio Grande do Norte (6.923 vagas em 107 cursos), Universidade Federal Rural do Semiárido (1.415 vagas em 26 cursos) e no Instituto Federal do Rio Grande do Norte (968 vagas em 22 cursos).

Para realizar a inscrição, o interessado deve acessar o site do sistema portando o número de inscrição no Enem 2017 e a senha cadastrada no site do exame. Esses dados serão os mesmos que valerão para todos os acessos ao Sisu.

Em todo o processo, o aluno poderá se inscrever, por ordem de preferência, em até duas opções de curso dentro das vagas ofertadas pelas instituições participantes do Sisu. O candidato, durante o período de inscrição, poderá alterar os cursos desejados, no entanto valerá a última inscrição feita pelo estudante no momento em que o sistema encerrar as inscrições na sexta-feira (26).

Os estudantes que tiraram nota zero na redação do Enem não poderão concorrer às vagas oferecidas pelo Sisu.

O coordenador do Projeto #QueroAprender, o professor João Maria de Lima, explica que, durante os dias em que o Sisu acolhe os inscritos, é necessário ter uma visão analítica das notas de corte e cursos. “Boas notas de redação são importantes, mas é fundamental que os alunos entendam o “jogo” do Sisu. Notas boas se perdem se não houver uma boa estratégia”, disse o professor.

Como estratégias, João Maria  aponta olhar qual o argumento do ano anterior, observar qual é a menor nota de corte, compreender a dinâmica das notas de corte “Um dia a nota de corte pode ser 700 e o aluno só ter 690 e no dia seguinte essa nota cair e ele entra no grupo de candidatos dentro da nota de corte. Ser atento aos cursos que ele deseja e observar como se comporta as notas ao longo do período de inscrição”, disse.

Seleção
No final do prazo de inscrição, o Sisu selecionará os candidatos melhores classificados em cada curso, por modalidade de concorrência, de acordo com suas notas no Enem.

Algumas instituições de ensino adotam uma nota mínima para a inscrição em determinado curso. Ao pleitear uma vaga, o aluno é informado se sua nota obtida é suficiente para concorrer àquele curso. Se não for, ele pode optar por outro curso ou outra instituição.

Outras instituições adotam pesos diferenciados no Sisu, que altera o cálculo da nota para os cursos. O sistema realiza, automaticamente, este cálculo, que segue os padrões de cada instituição, gerando uma nova nota. No momento da inscrição de um curso onde esse peso é diferenciado, o aluno é informado na tela de inscrição.

Algumas instituições disponibilizam parte de suas vagas para as políticas afirmativas. Afrodescendentes, indígenas e egressos de escola pública são alguns exemplos de alunos cotitas. Quem optar por concorrer a cotas, concorrerá apenas com candidatos que fizeram a mesma opção.

O Sisu realizará apenas uma chamada. A chamada regular será feita em 29 de janeiro. Caso o candidato não seja selecionado ou tenha sido chamado apenas para a segunda opção de curso, ainda poderá se inscrever na lista de espera no período de 29 de janeiro e 7 de fevereiro.

Saiba mais
O Projeto #QueroAprender, realizado desde 2017 pela Secretaria de Educação do RN, disponibiliza, nas plataformas digitais (SIGEduc e aplicativo para smarthphone), apostilas elaboradas por professores especialistas nas diversas áreas de conhecimento, além de realizar aulões direcionados para alunos que vão participar de exames de avaliação, como a Prova Brasil e o Enem.

Calendário do Sisu 2018
Inscrições: de 23 de janeiro até as 23h59 de 26 de janeiro de 2018
1ª chamada: 29 de janeiro
Matrículas dos aprovados na 1ª chamada: 30 de janeiro a 7 de fevereiro
Manifestação de interesse na lista de espera: 30 de janeiro até as 23h59 de 7 de fevereiro
Convocações nas demais chamadas: a partir de 9 de fevereiro
}Sisu do 2º semestre: As notas do Enem também poderão ser utilizadas na segunda edição do Sisu 2018, que abrirá inscrições no fim de maio.
Share
Banner

VNT Online

Post A Comment: