Construção de shopping sem projeto e sem habite-se causa transtornos à população na praia de Pipa

No VNT do Blog do FM - 02 ABR 2018
Foto: Blog do FM 

Em pleno feriadão, turistas e população que estavam na praia da Pipa estão sofrendo com um grave problema: a interdição da Avenida Baia dos Golfinhos, a rua principal da Pipa.

Segundo informação veiculada no site do “Novo Notícias”, a Prefeitura de Tibau do Sul está investigando uma grave denúncia de que o causador do imbróglio teria sido a construção de um shopping center na avenida sem qualquer projeto executivo.

O shopping já está operando há anos, mas sequer teria Habite-se para funcionar e o caso será encaminhado ao Ministério Público Estadual.

A construção mal feita e um projeto repleto de falhas não levaram em consideração aspectos de saneamento e esgotamento, muito menos escoamento das águas pluviais.

O proprietário do shopping, Lula Vasconcelos, em nota enviada à imprensa, reconhece os transtornos causados pela interdição da rua, mas argumenta que o fato ocorreu para a realização de um serviço, cuja responsabilidade seria da Prefeitura de Tibau do Sul. Ele garante ainda que o empreendimento possui todos os documentos legais para funcionar.

“Nós, do Vila da Pipa Shopping, pedimos desculpas pelo rápido bloqueio temporário da avenida Baia dos Golfinhos, que foi feito com o objetivo de evitar maiores danos decorrentes de alagamento provocado por fortes chuvas. Os serviços foram rapidamente executados e buscaram minimizar os danos causados pelos alagamentos ocorridos na avenida Baia dos Golfinhos, tendo em vista que toda a água pluvial estava inundando este ponto da avenida.

Já com relação à afirmação de que o empreendimento citado não dispõe dos referidos projetos e licenças, é importante destacar que as licenças de IDEMA, Alvará de Construção e licenças de funcionamento estão disponíveis na Prefeitura de Tibau do Sul e no IDEMA, não havendo qualquer irregularidade de licenciamento, ao contrário do que foi mencionado. Ou seja, a construção do Vila da Pipa Shopping foi regularmente executada, de acordo com os projetos estrutural e executivo, os quais foram apresentados aos órgãos reguladores e devidamente aprovados.

Reiteramos que os serviços foram realizados em caráter de urgência, diante de um cenário de crescente volume de água em decorrência das chuvas, com o único objetivo de melhorar a drenagem pluvial e evitar maiores danos. Contudo, reconhecemos que tal responsabilidade é do Município de Tibau do Sul, razão pela qual o Vila da Pipa Shopping não repetirá tal ação, mas fica à inteira disposição do Município e da Comunidade de Pipa para auxiliar no que for necessário, dentro de suas possibilidades”
Share on Google Plus

About VNT Online

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.