Recent

Postagens mais visitadas

Navigation

Jumento morde vereador em Natal; veja vídeo

No VNT do Portal Agora
Reprodução / YouTube

Já pensou estar caminhando pela rua e, de repente, ser atacado por um animal? Foi o que aconteceu com o vereador de Natal, Sueldo Medeiros. O parlamentar estava subindo a calçada e ao passar em frente a uma carroça, foi mordido no braço por um jumento.

Apesar do susto, o vereador contou ao portalnoar.com.br que não sofreu ferimento grave. Segundo ele, a mordida rasgou apenas a camisa e causou um ferimento leve.

“Eu estava me aproximando e vi que tinha um espaço de mais ou menos um metro entre o animal e o carro. Então, resolvi passar. Não é comum que o burro tenha esse time comportamento. Eu fui ágil e afastei o braço. Acabou só rasgando a camisa e arranhou um pouco o braço, mas ficou dolorido”, explicou.

O ataque do animal aconteceu na frente de uma clínica de angiologia, para onde o vereador se dirigia para uma reunião. Ele acrescentou que recebeu atendimento médico no local.

“Na própria clínica eu recebi o atendimento. O pessoal fez a higienização, colocou um curativo e passou um antibiótico. Continuei no local para a reunião normalmente”, explanou.

Em Natal, uma lei que proíbe a circulação de carroças vai entrar em vigor no próximo mês de junho. Sueldo disse em tom descontraído que agora, após o ataque, tem mais motivo para se posicionar a favor.

“Entendo que não dá para conciliar a carroça de tração animal em via pública. Não sou contra que os proprietários mantenham as carroças, mas ele precisam utilizar outro tipo de tração. Até porque muitos desses animais acabam sendo maltratados pelos proprietários”, avaliou.

O fato aconteceu no último dia 16, mas só veio a público nesta segunda-feira (25).

Assista ao vídeo do momento do ataque ao parlamentar. As imagens foram divulgadas pelo Blog de Gustavo Negreiros.
Share
Banner

VNT Online

Post A Comment:

0 comments:

OS COMENTÁRIOS POSTADOS AQUI SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DO AUTOR DO COMENTÁRIO.

PARA FAZER COMENTÁRIOS NO VNT:

Respeitar o outro, não conter insultos, agressões, ofensas e baixarias, caso contrário não serão aceitos.

Não usar nomes de terceiros para emitir opiniões, o uso indevido configura crime de falsidade ideológica.