Recent

Postagens mais visitadas

Navigation

Wesley Safadão volta aos palcos com show para 4 mil pessoas em Natal: "Sensação indescritível"

Do G1RN - 22 NOV 2020
Wesley Safadão fez show para 4 mil pessoas na Arena das Dunas, em Natal — Foto: Divulgação


O cantor Wesley Safadão retornou aos palcos em show realizado na noite de sábado (21), na Arena das Dunas, em Natal. Em formato adaptado por causa da pandemia do novo coronavírus, o público presente foi de aproximadamente 4 mil pessoas. Em uma rede social, o artista destacou que a "sensação foi indescritível" no reencontro com fãs.

"Depois de quase 11 meses sem fazer aquilo que eu mais amo, foram 5 horas de entrega, onde o melhor de mim deu lugar à minha emoção. Obrigado meu Deus e que tudo possa voltar ao normal. Esse show vai ficar marcado pra sempre na minha vida", postou (veja vídeo abaixo).

Com palco no formato 360º, na área central do gramado, e mesas divididas por setores, a organização precisou cumprir protocolos sanitários devido à pandemia do novo coronavírus. O espaço foi sanitizado antes do início do evento. Houve aferição de temperatura na entrada do público. Foi disponibilizado álcool em gel em todas as mesas e em totens. O uso de máscaras era obrigatório nas áreas de circulação. No vídeo publicado pelo cantor, é possível ver algumas pessoas sem máscara.

O formato do WS Limited, como foi chamado o evento, poderá ser utilizado em outras cidades. Mais de 40 empresários e produtores musicais estiveram na Arena das Dunas para ver de perto o projeto e os protocolos de segurança adotados. De acordo com Fred Queiroz, um dos organizadores em Natal, o custo de estrutura para um evento neste modelo para 4 mil pessoas é praticamente o mesmo que para 20 mil pessoas.

Share
Banner

VNT Online

Post A Comment:

0 comments:

OS COMENTÁRIOS POSTADOS AQUI SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DO AUTOR DO COMENTÁRIO.

PARA FAZER COMENTÁRIOS NO VNT:

Respeitar o outro, não conter insultos, agressões, ofensas e baixarias, caso contrário não serão aceitos.

Não usar nomes de terceiros para emitir opiniões, o uso indevido configura crime de falsidade ideológica.