Recent

Postagens mais visitadas

Navigation

Vereadores tomam posse e Telma Régia (MDB) é eleita presidente da Câmara Municipal de Várzea, RN

Do VNT - 01 JAN 2021
Vereadores tomam posse e Telma Régia (MDB) é eleita presidente da Câmara Municipal de Várzea, RN - Foto: Repeodução

Os 9 vereadores eleitos em Várzea, no Agreste do Rio Grande do Norte,  para a legislatura 2021-2024 tomaram posse na tarde desta sexta-feira (1º) em sessão especial realiza no auditório da Câmara. Na eleição da Mesa Diretora da Casa foi eleita a Vereadora Telma Régia Alves do Rego Meireles (MDB) foi eleita presidente da Câmara de Vereadores para o biênio 2021/2022.

Candidata pela chapa da situação, Telma Régia Alves do Rego Meireles (MDB) tem 53 anos, é casada, declara ao TSE a ocupação de servidora público estadual e tem ensino médio completo. Ela irá exercer o cargo da Presidência da Casa pela quarta vez.

Não houve disputa porque só uma chapa se inscreveu. A chapa única foi eleita com 7 votos a favor e 2 votos em branco. 

Veja a composição da nova Mesa Diretora:

Presidente: Telma Régia Alves do Rego Meireles (MDB)

Vice-presidente: Jose Arimateia de Alexandria (MDB)

1ª secretária: Terezinha Tomaz de Lima Anacleto (MDB)

2º secretário:  Paulo Freire de Lima (MDB)

Vereadores eleitos no pleito de 15 de Novembro de 2020 - Foto: Reprodução


Vereadores - mandato (2021/2024)

Reeleitos: Sebastião Belo da Silva Irmão (MDB), Jose Arimatéia de Alexandria (MDB), Paulo Freire de Lima (MDB), Eberval Florencio de Araujo (MDB) e Telma Regia Alves do Rego Meireles (MDB). 

Eleita/Volta ao legislativo: Terezinha Tomaz de Lima Anacleto (MDB).

Eleitos/Novatos: Allyson da Silva Medeiros (MDB),  Angela Mayara Ferreira do Rego (Solidariedade) e Marcos André de Souza (Solidariedade).



Share
Banner

VNT Online

Post A Comment:

0 comments:

OS COMENTÁRIOS POSTADOS AQUI SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DO AUTOR DO COMENTÁRIO.

PARA FAZER COMENTÁRIOS NO VNT:

Respeitar o outro, não conter insultos, agressões, ofensas e baixarias, caso contrário não serão aceitos.

Não usar nomes de terceiros para emitir opiniões, o uso indevido configura crime de falsidade ideológica.