Homem é acusado de matar ex-namorada na zona rural de Assu, RN

No VNT do G1 RN - 16 MAR 2018
Corpo de Ana Patrícia foi encontrado em matagal na zona rural de Assu (Foto: Jalisson Ferreira/Assu Notícias)
Corpo de Ana Patrícia foi encontrado em matagal na zona rural de Assu (Foto: Jalisson Ferreira/Assu Notícias)

O Ministério Público do Rio Grande do Norte acusou um homem como responsável pela morte de sua ex-namorada, Ana Patrícia da Conceição, na zona rural de Assu. O crime aconteceu madrugada do dia 17 de fevereiro deste ano e segundo a denúncia, tem características de feminicídio, como violência doméstica e familiar.

De acordo com o MP, apesar de serem ex-namorados, o acusado e a vítima ainda mantinham relação íntima e encontros esporádicos. Os investigadores apontaram que que a relação era permeada por muitas brigas.

O último encontro ocorreu na véspera do assassinato, quando Ana Patrícia foi ao encontro de Daniel Danilo Souza, o acusado, por volta das 12h. Juntos, eles compraram material escolar para as filhas da vítima e seguiram para a casa da irmã de Danilo, para jantar e passar a noite.

Por volta das 3h do dia 17 de fevereiro, deixaram a casa e se dirigiram para um matagal para supostamente manter relações sexuais, de acordo com o próprio depoimento dele. Para a promotoria, isso pode ter sido um pretexto utilizado pelo denunciado para praticar o assassinato, uma vez que já saiu da casa da irmã portando a arma do crime – uma faca peixeira – escondida na cintura.

Na mata, conforme as investigações, Danilo Daniel desferiu o primeiro golpe, de uma sequência, sem que Ana Patrícia esperasse ou tivesse chance de defesa. Ela morreu no local, sendo encontrada horas depois por populares. Após cometer o crime, o homem fugiu, deixando a faca no local.

Dois dias depois, como suspeito, ele foi encontrado e conduzido à Delegacia de Polícia Civil, onde confessou o homicídio, alegando que discutiu com a vítima e, por ter sido supostamente ameaçado por ela, resolveu matá-la.

Com a denúncia, o MPRN ainda pediu à Justiça uma série de diligências relacionadas ao fato, a serem examinadas pelo Poder Judiciário. O denunciado continua preso na Cadeia Pública de Mossoró, onde permanece para aguardar o andamento do processo.
Próximo ao corpo, os policiais que atenderam a ocorrência encontraram a faca usada no crime (Foto: Jalisson Ferreira/Assu Notícia)
Próximo ao corpo, os policiais que atenderam a ocorrência encontraram a faca usada no crime (Foto: Jalisson Ferreira/Assu Notícia)

Share on Google Plus

About VNT Online

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.