Candidatos ao governo do Rio Grande do Norte participam de debate na Inter TV

No VNT do G1 RN  - 03 OUT 2018
Cinco candidatos ao governo do RN participaram do debate na Inter TV Cabugi — Foto: Pedro Vitorino/G1
Cinco candidatos ao governo do RN participaram do debate na Inter TV Cabugi — Foto: Pedro Vitorino/G1
Cinco candidatos ao Governo do Rio Grande do Norte participaram do debate na Inter TV Cabugi, na noite desta terça-feira (2). Durante cerca de duas horas foram feitos questionamentos e apresentadas propostas sobre temas como educação, saúde, segurança pública, emprego e seca.

O debate foi mediado pelo jornalista Ari Peixoto, da TV Globo. Participaram os candidatos Brenno Queiroga (Solidariedade); Carlos Eduardo (PDT); Fátima Bezerra (PT); Professor Carlos Alberto (PSOL); e Robinson Faria (PSD).

O debate teve quatro blocos. O primeiro e o terceiro com perguntas de tema livre; o segundo e o quarto com temas determinados por sorteio na hora do debate pelo mediador. No quarto bloco os candidatos fizeram ainda as considerações finais.

Os candidatos tiveram 30 segundos para formular as perguntas, dois minutos para as respostas, um minuto e 15 segundos para réplica e um minuto e 15 segundos para tréplica. Cada candidato teve dois minutos para fazer suas considerações finais.

Confira as considerações finais de cada candidato (ordem definida por sorteio):

Carlos Eduardo (PDT)
"Eu tenho, Rio Grande do Norte, 32 anos de vida pública. Tenho uma vida limpa. Nunca respondi a nenhum processo de improbidade administrativa, nenhum processo de desvio de conduta. Sempre me conduzi na política com independência. Procurei o meu próprio caminho e, das vezes que fui eleito e reeleito, eu fui não escorado na sombra do sobrenome, mas resultado de projetos, de programas, de obras, de atitudes políticas que ao longo da minha vida pública, eu tomei. A candidata do PT fala agora em oligarquia, mas ela esquece da aliança do Partido dos Trabalhadores com Paulo Maluf, com Fernando Collor, com Renan Calheiros e outros bichos. Agora não, quer ser diferente, é oligarquia. Votou em mim duas vezes, nunca se arrependeu. Deve ter se arrependido de ter apoiado Robinson, que até hoje ela não disse que se arrependeu, porque Robinson tem hoje a reprovação do povo do Rio Grande do Norte. Fui eleito quatro vezes prefeito de Natal, sempre com votações crescentes e apoio popular crescente, testado e aprovado. Quero dizer que tenho sim condições de assumir este governo e com trabalho, com seriedade, não com promessas vazias, não dizendo que temos uma varinha mágica para fazer milagre. Vai ser difícil, mas nós temos condição de fazer, de realizar e resgatar o Rio Grande do Norte. Já resgatamos Natal em 2013 e temos as condições e experiência administrativa para resgatar o Rio Grande do Norte e colocá-lo no progresso".

Fátima Bezerra (PT)
"Eu quero aqui, primeiro, dizer que eu saí do chão da escola. Conquistei meus mandatos não por herança, sobrenome tradicional. Conquistei na luta, tendo sempre o apoio e o reconhecimento do povo potiguar. Nunca mudei de lado. Sempre ao lado do presidente Lula, defendendo a soberania dos trabalhadores, do povo brasileiro e do meu querido povo potiguar. Então, nesse momento, eu quero aqui me dirigir a você, eleitor, eleitora, e fazer um pedido: que nesse domingo vote com consciência, vote com o Rio Grande do Norte no coração. Tenha cuidado com as mentiras, as fake news, principalmente às vésperas, agora, das eleições. Quero dizer aqui que, ao longo dessa campanha, fiz uma campanha limpa, honesta, propositiva, sem ataques, sem ofensas, em respeito, exatamente, a você, eleitor. E por isso que digo aqui: estou preparada para ser sua governadora. Por isso que peço a você um voto de confiança. Peço a você que venha comigo no próximo domingo e, juntos, vamos transformar esperança em realidade. O Rio Grande do Norte tem uma chance histórica de interromper esse ciclo de governo de perfil conservador, a serviço dessas oligarquias que governam para três, ou quatro famílias. Eu quero dizer aqui que nós vamos fazer um governo para todos, assim como o presidente Lula fez, e essa será a marca do nosso governo. Quero dizer aqui que, com Haddad presidente da República, nós vamos fazer pela segurança, pelo emprego, pela saúde, pela educação, o que fizemos pela educação do Rio Grande do Norte. Por isso domingo venha junto, vote 13, Haddad presidente, Fátima governadora, até a vitória".

Robinson Faria (PSD)
"Quero aqui, com muita honestidade, falar com você que está em casa. Que faça uma reflexão de um governador que governou sozinho, boicotado, e recebendo o Estado falido. E, mesmo assim, está entregando mais de mil obras, obras que foram esperadas há várias décadas, como a estrada da Castanha, na Serra do Mel, como o Anel Viário Metropolitano de Natal, o Hospital da Mulher, em Mossoró, o Aeroporto de Mossoró, fundamental para salvar aquela economia que estava decadente por conta da Petrobras. Um estado pungente e um povo trabalhador. Isso incomoda os adversários, porque eu governei na crise e eles governaram, no passado, os seus familiares, parentes e amigos, quando sobrava dinheiro. Era fácil ser governador. Quero ver governar como eu governei. E, além de tudo, um boicote, um ódio, uma ambição, uma vingança contra o governador, se vingando de você que está em casa que não queria que eu governasse. Mas eu faço um convite. Vamos dar uma volta pelo estado, vamos ver as obras. Mais de um milhão de refeições. Tivemos sete anos de seca, para quem está passando necessidade. O maior programa alimentar da história do Brasil. Um motivo de orgulho, você ter um coração solidário. Então, eu me sinto preparado, eu me sinto seguro para governar novamente, terminar a minha missão. Eu conheço o estado inteiro, eles não conhecem nada do Rio Grande do Norte. Nada. Nem da geografia do estado, nem seus sonhos. Eu conheço o sonho de cada município, o cotidiano e o que pode ser feito ainda para salvar e avançar. Hoje o Rio Grande do Norte está quase no trilho. Teremos que terminar a nossa missão. E, quem conhece o o Rio Grande do Norte, quem sofreu, quem errou, quem acertou, mas que hoje tem plena segurança para governar é Robinson Faria. Portanto, domingo, vamos continuar essa parceria, votando no 55, o número que vai vencer a eleição no próximo domingo".


Brenno Queiroga (Solidariedade)
"Eu quero agradecer a atenção de quem está em casa, a sua audiência, e dizer uma coisa a vocês. O que nós assistimos agora aqui foi um grande teatro. Carlos Eduardo entrou na política junto com Robinson em 87, quando eu tinha 7 anos de idade. Fátima Bezerra entrou em 95. Tudo que eles disseram que fizeram aqui foi muito pouco. Eles estão juntos até hoje nesta história. Já apoiaram, indicaram cargos, uns apoiam os outros. Quando terminar essa eleição, estão todos juntos de novo. E eu e você, cidadão que está em casa, vendo essa velha política fazer isso com o nosso estado, vamos continuar sofrendo as consequências deste tipo de campanha. Já chega. A velha política já deu o que tinha que dar. Já chegou a hora de uma mudança séria, uma mudança com responsabilidade, com segurança, com gente nova, inteligente, moderna e competente, que tem capacidade e autonomia de fazer essa mudança. Eu não estou comprando minha campanha. Não estou gastando milhões. Eu não fiz acordões. Sendo eleito, eu tenho como chegar, no dia 1º de janeiro, meter a caneta e cortar da máquina pública tudo que tiver de velha política. Desperdícios, regalias, privilégios, botar o dinheiro público para ser usado para você. Nós estamos numa oportunidade de mudança. Acabou de sair uma pesquisa: 40% dos eleitores dizendo que não vão votar e que não têm em quem votar. Esse povo quer o novo. Eles sabem que os três candidatos que estão aqui já são candidatos há anos. Eu sou candidato há dois meses. Em campanha de dois turnos, no primeiro turno a gente vota no candidato que a gente acha melhor. Isso é o voto útil, o voto que a gente dá com orgulho. No segundo turno, se ele não for, a gente vota no menos ruim. E se você não for votar, meu amigo, o voto comprado vai para a urna, e o voto comprado elege o político corrupto. É 77 no dia 7 para fazer a mudança".


Professor Carlos Alberto (PSOL)
"Boa noite a você que nos assistiu até agora. Então, vocês conheceram um pouco do Professor Carlos Alberto, mas eu vou contar um pouco de mim. Eu sou professor há 22 anos. Sou também um pequeno empresário que sofre com as dificuldades em gerar emprego e sabe das necessidades de todos pequenos comerciantes e empreendedores que existem espalhados pelo Rio Grande do Norte todo, que sabem do abandono e da pobreza que a gente enfrenta em todos os municípios do interior desse estado. Eu comecei a estudar Administração de Empresas quando eu tinha 17 anos de idade. Estudo Administração há 33 anos. Eu fiz graduação, fiz mestrado em Recursos Humanos, fiz doutorado em Administração. Eu me sinto preparado para governar o estado. Ao longo da minha vida me preparei para isso. Eu quero contar com seu voto. Vocês sabem que o estado está destruído. Nós temos, segundo o Ibope, a pior saúde pública do Brasil. Nós temos a terceira pior educação, que está a cargo do governo do estado. É o terceiro pior Ensino Médio, que não é profissionalizado, não ensina as profissões aos jovens. O Rio Grande do Norte é o estado mais inseguro do Brasil, mas é o estado que cobra mais impostos de você cidadão. Chegou a hora de dar um basta nisso, chegou a hora de dar um basta nessa ineficiência. O estado que mais cobra imposto, que mais tira seu poder aquisitivo, e menos entrega os serviços públicos a você cidadão. Venha, se junte a nós, venha para o nosso lado. No dia 7 de outubro você tem uma oportunidade de mudar. Eu sou candidato para que você tenha uma opção. Vamos romper com essa velha política. Chegou a hora de dar um basta nisso. Faça sua parte. Eu fiz a minha, saí do conforto da minha família, estou enfrentando essa campanha. Então, no dia 7 de outubro, eu conto com você. Me ajude a multiplicar o nosso voto. Professor Carlos Alberto, 50".


Share on Google Plus

About VNT Online

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.