Recent

Postagens mais visitadas

Navigation

Beto Barbosa volta aos palcos após tratamento contra câncer

No VNT do G1 RN  - 19 DEZ 2018
Beto Barbosa durante show em junho de 2018 em São João de Campina Grande — Foto: Iara Alves/G1

Beto Barbosa voltou aos palcos após cinco meses de tratamento contra um câncer. O cantor anunciou nas redes sociais, em agosto, que estava iniciando o tratamento contra a doença. Na época, também relatou um erro médico antes do diagnóstico.

Apesar de ter dito que seguiria sua agenda de shows, Beto só voltou aos palcos neste sábado (15), com uma apresentação em Fortaleza.

“Show do amor, da vitória, do Natal e da saúde. Hoje posso dizer que o susto passou e que estou com 99% de cura. Agradeço a Deus as orações dos fãs, imprensa, amigos e a equipe do Dr. Fernando Maluf. Superagradecido a todos os médicos e enfermeiros oncologistas que estiveram do meu lado nestes cinco meses de tratamento. Superfeliz de poder respirar este ar de grandes expectativas, fé e esperança neste futuro de grandes eventos e alegrias que na minha vida chegou”.

No post, Beto ainda revelou que passará por uma cirurgia no início de 2019. “Estou compondo com alegria com meus parceiros musicais e novidades reais estarão chegando em 2019. Ainda tenho uma cirurgia para fazer em janeiro, apenas para reforçar e fortificar a saúde para que o câncer não volte”.

O cantor também compartilhou algumas imagens do show. “Desejo a todos um belíssimo dia. Que o universo de Deus reconheça o grande amor que habita dentro dos nossos corações, esse amor que circula de forma generosa com espontaneidade e retidão por todos os irmãos e irmãs que habitam nosso planeta terra. Imagens do primeiro show depois dos cinco meses de internação e químios”.

Share
Banner

VNT Online

Post A Comment:

0 comments:

OS COMENTÁRIOS POSTADOS AQUI SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DO AUTOR DO COMENTÁRIO.

PARA FAZER COMENTÁRIOS NO VNT:

Respeitar o outro, não conter insultos, agressões, ofensas e baixarias, caso contrário não serão aceitos.

Não usar nomes de terceiros para emitir opiniões, o uso indevido configura crime de falsidade ideológica.