Recent

Postagens mais visitadas

Navigation

Cursos gratuitos de espanhol para profissionais de turismo têm inscrições abertas

No VNT do G1 RN - 10 JUL 2019
Cursos são oferecidos pela Setur em parceria com o IFRN — Foto: Divulgação/Prefeitura de Guarujá

Estão abertas as inscrições para os cursos gratuitos de espanhol para profissionais do turismo. Os cursos são oferecidos pela Secretaria de Turismo do Rio Grande do Norte, em parceria com o Núcleo de Estudos e Pesquisa de Espanhol como Língua Estrangeira (Nupele) do IFRN.

As inscrições para as primeiras turmas seguem abertas até às 18h do dia 16 de julho. Clique AQUI para fazer a inscrição.

O projeto irá ofertar três tipos de cursos: o "Conoce", o "Comprende" e o "Dime". Serão disponibilizadas 30 vagas para os cursos "Conoce" e "Comprende", sendo 70% delas destinadas para o setor do turismo e 30% para o setor de ensino. O curso "Conoce" é voltado para iniciantes no idioma, enquanto o "Comprende" é para quem já possui algum conhecimento na língua. Já para o curso "Dime" serão ofertadas 15 vagas para pessoas que dominam a língua espanhola e procuram aprimorá-la.

O objetivo do projeto é contribuir diretamente na qualificação em língua espanhola de pessoas que trabalham com turismo, priorizando nesse momento mensageiros e recepcionistas. “Falar o idioma espanhol é imprescindível para atender bem o turista que nos visita, tendo em vista que o maior emissor internacional de turistas para o Rio Grande do Norte é a América do Sul”, afirma a secretária de turismo, Aninha Costa.

As aulas acontecerão no IFRN Campus Natal Central, no período de 18 de julho a 30 de setembro de 2019. O resultado das inscrições será divulgado após às 14h do dia 17 de julho no site do Campus Natal-Central e também nos murais da Setur e da ABIH-RN.
Share
Banner

VNT Online

Post A Comment:

0 comments:

OS COMENTÁRIOS POSTADOS AQUI SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DO AUTOR DO COMENTÁRIO.

PARA FAZER COMENTÁRIOS NO VNT:

Respeitar o outro, não conter insultos, agressões, ofensas e baixarias, caso contrário não serão aceitos.

Não usar nomes de terceiros para emitir opiniões, o uso indevido configura crime de falsidade ideológica.