Recent

Postagens mais visitadas

Navigation

Plutão Já Foi Planeta faz show gratuito em Natal no projeto 'Te Encontro na Música'

No VNT do G1 RN - 10 JUL 2019
Plutão Já Foi Planeta se apresenta neste sábado (13) em Natal — Foto: Divulgação

A banda potiguar Plutão Já Foi Planeta vai se apresentar neste sábado (13), às 18h, no estacionamento D2 do Natal Shopping. O grupo é a primeira atração do projeto "Te Encontro na Música" e a entrada para o evento é gratuita.

O projeto "Te Encontro Na Música" vai acontecer nos segundos sábados de todo mês até novembro, sempre com atrações potiguares e entrada livre. A escolha do Plutão Já Foi Planeta para abrir o projeto se deve também ao Dia do Rock, comemorado no dia 13 de julho.

"Sempre estamos pensando em ações e novas formas de disseminar a música potiguar ao máximo, que consideramos a nossa principal função como combo cultural. Para esse projeto estávamos procurando um lugar central, com grande fluxo de público, perto de paradas de ônibus e o estacionamento do Natal Shopping encaixou perfeitamente", explicou Anderson Foca, produtor do DoSol, responsável pelo projeto.

O evento começa às 17h com discotecagem e às 18h se inicia a apresentação do Plutão Já foi Planeta.

Plutão está em preparação para gravar e lançar o seu próximo álbum. Em março, o grupo fez o show de despedida da turnê do álbum "A Última Palavra Feche a Porta" em Natal - a última apresentação na capital potiguar.


A banda é formada por Natália Noronha (voz, violão, synth e baixo), Sapulha Campos (voz e guitarra), Gustavo Arruda (voz, guitarra e baixo), Vitória de Santi (baixo e synth) e Renato Lellis (bateria).

Serviço
Quando? Sábado (13)
Horário? 17h
Onde? Estacionamento D2 do Natal Shopping
Quanto? Entrada gratuita
Share
Banner

VNT Online

Post A Comment:

0 comments:

OS COMENTÁRIOS POSTADOS AQUI SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DO AUTOR DO COMENTÁRIO.

PARA FAZER COMENTÁRIOS NO VNT:

Respeitar o outro, não conter insultos, agressões, ofensas e baixarias, caso contrário não serão aceitos.

Não usar nomes de terceiros para emitir opiniões, o uso indevido configura crime de falsidade ideológica.