Recent

Postagens mais visitadas

Navigation

Ação do Deputado Kleber Rodrigues garante continuidade dos serviços do Hospital Regional de Santo Antônio, RN

No VNT da ASSECOM Dep. Kleber Rodrigues - 27 AGO 2019
Ação do Deputado Kleber Rodrigues garante continuidade dos serviços do Hospital Regional de Santo Antônio, RN - Foto: ASSECOM Dep.  Kleber 

Na tarde desta segunda-feira, o Deputado Estadual Kleber Rodrigues esteve reunido com o Secretário de Saúde do Estado, Cipriano Maia, onde foram tratados assuntos voltados aos serviços de saúde da Região Agreste. Entre os assuntos comentados, o de maior importância foi a permanência dos serviços de saúde do Hospital Regional Lindolfo Gomes Vidal em Santo Antônio.

A unidade de saúde tem sido o centro das discussões nos últimos dias na Região Agreste. O hospital oferece a Santo Antônio e outras 21 cidades, atendimentos em urgência, emergência e maternidade. Os rumores do fechamento dos setores da policlínica e obstetrícia (sala de parto) gerou grande preocupação da população, que foi às redes sociais manifestar repúdio às possíveis ações que iram gerar grandes prejuízos a região.

Na última quinta-feira (22), o Deputado Kleber Rodrigues participou de uma Audiência Pública na Câmara de Vereadores de Santo Antônio, com proposição da própria casa legislativa e a população lotou o local. Enquanto acompanhava os discursos, Kleber fez contato via telefone com o Secretário de Saúde do Estado, Cipriano Maia e em sua fala anunciou a marcação de reunião com o mesmo para esta semana.

No encontro desta segunda-feira, Cipriano garantiu a permanência dos serviços de saúde oferecidos pelo Hospital Regional de Santo Antônio. Ficou acordado também um encontro com prefeitos das cidades atendidas pelo hospital para melhorar ainda mais os atendimentos à população.
Share
Banner

VNT Online

Post A Comment:

0 comments:

OS COMENTÁRIOS POSTADOS AQUI SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DO AUTOR DO COMENTÁRIO.

PARA FAZER COMENTÁRIOS NO VNT:

Respeitar o outro, não conter insultos, agressões, ofensas e baixarias, caso contrário não serão aceitos.

Não usar nomes de terceiros para emitir opiniões, o uso indevido configura crime de falsidade ideológica.