Recent

Postagens mais visitadas

Navigation

Idoso de 100 anos fica sob mira de armas e passa mal após assalto na Zona Leste de Natal

Armas apreendidas com suspeitos de assalto a idoso de 100 anos em Natal — Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi

Um idoso de 100 anos foi vítima de um assalto na tarde desta segunda-feira (21) em Natal. Ele e o filho estavam dentro do carro, no bairro Alecrim, quando foram abordados por assaltantes. Após a ação, um homem e três adolescentes foram detidos pela Guarda Municipal. A vítima precisou ser levada ao hospital.

O carro era conduzido pelo filho do idoso. Mesmo com o intenso movimento no bairro, ele relata que os criminosos apontaram armas para as vítimas e determinaram que elas descessem do veículo.

"Eles chegaram com a arma e meu pai não tem agilidade de sair de dentro do carro. Ai eu disse que eles podiam levar o carro. O carro não é problema. Só que tinha meu pai dentro, com problema no joelho. A gente teve que tirar ele quase que à força, porque eu não ia deixar ele dentro", lembra a vítima, que preferiu dar entrevista sem ser identificada.

No momento em que os criminosos realizavam o assalto, uma viatura da Guarda Municipal passou pelo local. Os criminosos então fizeram ameaças, ordenando que as vítimas deixassem o carro e não chamassem os guardas. "Eles disseram: se você chamar, a gente atira no seu pai", ressalta o motorista.


Porém, de acordo com Jorge Teles, da Guarda Municipal, a equipe foi avisada por um motorista de ônibus de algo estava errado no veículo branco, logo atrás. "Ao fazer a abordagem, encontramos as quatro pessoas, duas armas e pertences das vítimas", pontuou.

Um homem e quatro adolescentes foram reconhecidos pelas vítimas e levados para a Delegacia de Plantão. Após toda a ação, o idoso de 100 anos passou mal e precisou ser levado ao hospital.
Share
Banner

VNT Online

Post A Comment:

0 comments:

OS COMENTÁRIOS POSTADOS AQUI SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DO AUTOR DO COMENTÁRIO.

PARA FAZER COMENTÁRIOS NO VNT:

Respeitar o outro, não conter insultos, agressões, ofensas e baixarias, caso contrário não serão aceitos.

Não usar nomes de terceiros para emitir opiniões, o uso indevido configura crime de falsidade ideológica.