Recent

Postagens mais visitadas

Navigation

O surfista de Baía Formosa, RN Ítalo Ferreira é campeão da etapa de abertura na Austrália

No VNT do GE - 08 ABR 2019
WSL / Cestari

As corridas pelo título mundial e por uma vaga na Olimpíada de Tóquio-2020 já têm um líder: Ítalo Ferreira. Com uma virada emocionante nos instantes finais, o brasileiro derrotou o americano Kolohe Andino, por 12,57 a 12,43, levantou a torcida brasileira nas areias da Praia de Durambah e faturou o título da etapa de abertura do Circuito Mundial de surfe (CT), na Austrália. Foi a quarta vitória na carreira do surfista de Baía Farmosa-RN, que vai assumir a camisa amarela de líder que estava com o bicampeão mundial Gabriel Medina já na próxima etapa, em Bells Beach, a partir do dia 17.

- Foi inacreditável. Eu treinei muito e agora eu consegui a minha primeira vitória no ano. A temporada começou! Vamos lá! - comemorou Ítalo, em entrevista à WSL, para depois se jogar nos braços da galera 

No caminho até o título, Ítalo derrotou o australiano Wade Carmichael nas quartas e, nas semis, fez o melhor duelo do dia contra Jordy Smith. O potiguar venceu por 15,33 a 14,67, e vingou Gabriel Medina, que foi eliminado pelo sul-africano e terminou em quinto.

Na decisão, o mar baixou e o vento aumentou a dificuldade para os dois finalistas. Surfando de frente para as ondas por ser regular (pé esquerdo na frente), Kolohe abusou dos aéreos "reverse". O americano foi melhorando as notas gradativamente e, faltando 8 minutos para o fim, tinha as duas melhores da bateria: 5,93 e 6,50, com 12,43 no total, contra 10,73 do Ítalo. O brasileiro, que é "Goofy" (pé direito na frente), fez o que pôde de costas para a parede das ondas, mas as notas não ultrapassavam os 5,50 pontos.

A dois minutos do fim, o surfista de Baía Formosa precisava de 6,93 para a virada e pegou a sua melhor onda. Ele acelerou, arriscou um aéreo "full rotation" e completou. A nota só saiu quando Ítalo já estava na areia: 7,07 pontos.


- Foi uma semana muito louca e uma grande final contra o Kolohe. Eu lembro que, 2 anos atrás, eu tive uma lesão aqui em Durambah com um aéreo reverse. Esse ano, Deus me deu esse primeiro lugar. Eu lembro que estava devastado. Tentei trabalhar duro e dar o meu melhor. Estou feliz demais. Queria agradecer a torcida brasileira que veio aqui e a minha namorada. E, por último, quero dar 50% da minha premiação para a "Kids Cancer" e poder ajudar. Obrigado - agradeceu o agora número 1 do mundo, no pódio.
Share
Banner

VNT Online

Post A Comment:

0 comments:

OS COMENTÁRIOS POSTADOS AQUI SÃO DE EXCLUSIVA RESPONSABILIDADE DO AUTOR DO COMENTÁRIO.

PARA FAZER COMENTÁRIOS NO VNT:

Respeitar o outro, não conter insultos, agressões, ofensas e baixarias, caso contrário não serão aceitos.

Não usar nomes de terceiros para emitir opiniões, o uso indevido configura crime de falsidade ideológica.